sexta-feira, 2 de setembro de 2011

A internet em nossas vidas

A internet veio pra ficar, e cada vez mais ela ocupa espaço em nossas vidas, e isso acontece por vários motivos, seja pra fazer uma pesquisa,  cursos a distância, efetuarmos compras, conhercer pessoas, manter contato, diminuir um pouco da saudade que a distância física proporciona ou trocar ideias em blogs e redes sociais. 

Até ai tudo bem, porque a tecnologia, a internet, é mais uma dessas ferramentas que vem pra facilitar a vida das pessoas. E é uma ferramente simplesmente maravilhosa, magnífica eu diria. Pois possibilita uma interação muito maior do mundo com mundo, podemos ter notícias em tempo real, assistir coisas, aprender, conhecer gente e etc.

A reflexão a qual hoje eu estou querendo promover é: até que ponto a tecnologia da internet está modificando minha vida e a sua? E quando eu falo modificando é modificando mesmo. 

Ano passado fizemos uma pesquisa,  na disciplina de relações humanas, meus alunos da 7ª série e eu, sobre essa temática, e confesso que ainda e cada vez mais me inquieto com essa temática. E durante a pesquisa, o foco era quanto tempo as pessoas passavam em frente ao computador navegando na net e o que tipo de site elas mais acessavam.

Tivemos vários relatos que me inquietaram por muito tempo, pessoas que não desligavam o computador por dias, pessoas que faziam as refeições em frente ao computador, pessoas que aboliram TV, DVD e SOM passaram a ultilizar somente o computador, sua multimídia e os recursos disponíveis na internet. Descobrimos pessoas que acordavam; ligavam o computador; e deixavam ele iniciando enquanto escovavam dentes, tomavam banho e café, alegando não querer perder tempo e conseguir entrar na internet antes de ir a escola ou ao trabalho. Pessoas que não conversam mais com os próprios membros da sua família, que moram na mesma casa pois elas agora teclam no msn, gogle-talk, bate-papo do facebook, skype. Pessoas que não telefonam mais pros amigos em datas especiais, apenas deixam um scrap, recadinho, depoimento, mensagem privada, e-mail ou algo tipo.

Continuo analisando os hábitos das pessoas, e o espaço que cada vez mais a tecnologia toma conta,  internet nos celuares, ou seja em todo e qualquer lugar e horário, escolas subtituindo livros por tablets, ultilizando lousas digitais 3D e tudo mais que as ferramentas das novas tecnologias podem oferecer.

As pessoas ficam cada vez mais tempo em seus computadores e na internet. A minha preocupação é somente com relação a capaciade de socialização das pessoas, porque em toda minha experiência como internauta, blogueira e usuárias das diversas redes sociais existentes eu percebo que as pessoas na internet elas ficam um pouco mais "a vontade" pra falar o que pensam ou gostariam de dizer se tivessem coragem de falar olhando nos olhos das pessoas. Na vida real elas não tem coragem e na verdade elas ficam cada vez mais caladas na vida real, percebo isso em alguns dos meus próprios alunos, daí a minha inquietação.

O que me preocupa é que na internet as pessoas se desinibem a ponto de fazer ou até falar coisas que acham que as demais pessoas vão achar legal, vão "curtir", vão dar um "RT" e vão te "seguir" por isso. 




Me preocupa porque os internautas estão ficando cada vez mais jovens, e muitas vezes sem limite de tempo pra ultilizar essa internet e sem nenhuma forma de restrição/limitação, ou supervisãodos responsáveis com relação a esse uso, como se a idade/maturidade desses usuários  fosse totalmente livre. E na internet é meio que assim... tudo é muito disponível e é isso o que mais tenho pensado. 
Agora olhem o vídeo a seguir... e a questão que eu coloco agora é, sera que o facebook tem importância na vida desse homem? Acha que eu estou exagerando e que não existem mais casos de exageros na vida real por conta da vida virtual das pessoas???

Não vou nem muito longe, se vocês vissem quanto tempo meu pai joga mini fazenda do orkut, vocês entenderiam do que estou falando, mas só pra dar uma situada ele está no nível 312 dese jogo específico e olhe que ele ta é "atrasado" na frente dos outros vizinhos que ele tem no jogo. Mas se vocês quiserem mais exemplos disso na vida real podem pesquizar no You Tube : Tula Luana, ela sim leva os jogos tão a sério que briga na internet por conta das promoções dos jogos ou coisas relacionadas. Essa mulher chega a gastar dinheiro real com esse jogos virtuais. e como ela eu acredito que milhares de outras pessoas também! 



E tem também pessoas que em tempos atuais onde a tecnologia toma conta de todos os espaços são verdadeiros alienados, alienados não por não ultilizarem a ferramente, mas por sequer saber do que se trata e serem ignorantes de não ter coragem em assumir que não sabem do que se trata. Assistam e entendam do que eu estou falando:





E as pessoas começam uma disputa na internet pra ter o vídeo mais acessado e elas realmente fazem de tudo pra conseguir esses acessos e mais uma vez me preocupo com os menores, os que na maioria das vezes nem entendem o que está acontecendo, quem vai ver, que repercussão aquilo terá.

Me preocupa porque algumas crianças quando ficarem maiores um pouco podem simplesmente virara alvo de chacotas, como aquele clássico vídeo onde um menino reage a uma situação de bullyng que sofria na escola batendo de forma muito violenta em um garoto, o que bate vira herói e o outro vira o que? E como fica esse aroto na escola? E quando esse ou outro tipo de vídeo é postaco, colocado na internet pelos próprios pais dais crianças?  Pesquisei alguns...









Esse vídeo foi feito e postado pela mãe dos gêmeos, porque ela simplesmente não vai acalmar o filho, quem sabe falar sobre a morte e não ficar prolongando o sofrimento de um dos filhos pra fazer um vídeo e por na internet, eu não entendo muito, confesso!



Esse vídeo foi feito e colocado na internet pelo pai do garoto, mas porque expor o garotinho assim???



Esse vídeo foi postado pela irmã desse garoto, pra quê?




E dessas crianças que choram por causa de time tem milhares... mas porque elas choram??? Como será que elas foram educadas, que importância tem os times de futebol na vida das pessoas nem é a questão que eu quero levantar e sim porque algumas coisas vão pra internet e como nós a ultilizamos.

A questão é como a internet veio pra ficar e veio mesmo mas o que eu peço aqui é que ultilizemos a internet pra facilitar nossa vida e relações e não pra expor, agredir, ou deixar a vida real, por melhor que a internet seja e é, eu mesma agradeço todos os dias por ela que possibilitou muitas coisas boas em minha vida e que permite com que o meu ralacionamento possa  existir. Só quero que a gente não esqueça que a internet, assim como as demais tecnologias vsurgiram e se aprefeiçoam para nos servir, não para nos escravizar.

E nada substitui o contato real com as demais pessoas, o olho no olho, o contato físico e toda interação que se socializar com os amigos, parentes e amores exigem. E  nós precisamos sim saber usar todas as ferramentas da internet, porque ela existe pra usarmos mesmo, tudo podemos o exagero é que sempre foi o problema na maioria dos vícios...

#pensemos

Um comentário:

  1. Márcio Mendes da Luz2 de setembro de 2011 23:48

    Bom texto amor!
    Sabemos bem da importância da internet em nossa vida, foi ela quem nos apresentou e nos aproximou, mas nada substitui o fato de poder olhar em seus olhos e te admirar.
    Concordo que o uso não moderado da internet pode causar sérias consequências de socialização da criança e do adolescente, assim como muitos não têm noção do alcance dessas novas mídias e círculos virtuais e acabam postando coisas de foro íntimo que ou podem alcançar o sucesso ou mesmo o insucesso na maioria das vezes.
    Em uma conversa com alunos do 7º ano (6ª série) sobre a Holanda e a sua tradição liberal e lhes disse que isso só era possível pelo alto nível de consciência que o holandês cultivava desde a tenra infância e digo o mesmo para o uso da internet, deve haver um acompanhamento dos pais durante a infância e adolescência para assim possibilitar adultos que a utilizem de forma consciente.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...